jusbrasil.com.br
29 de Junho de 2022
  • 2º Grau
Entre no Jusbrasil para imprimir o conteúdo do Jusbrasil

Acesse: https://www.jusbrasil.com.br/cadastro

Tribunal Regional Federal da 3ª Região TRF-3 - APELAÇÃO CÍVEL: ApCiv 067XXXX-77.1985.4.03.6100 SP

Detalhes da Jurisprudência

Órgão Julgador

4ª Turma

Publicação

e - DJF3 Judicial 1 DATA: 04/06/2020

Julgamento

1 de Junho de 2020

Relator

Desembargador Federal MARCELO MESQUITA SARAIVA
Entre no Jusbrasil para imprimir o conteúdo do Jusbrasil

Acesse: https://www.jusbrasil.com.br/cadastro

Ementa

E M E N T A CONSTITUCIONAL. ADMINISTRATIVO. RESPONSABILIDADE CIVIL OBJETIVA DO ESTADO. ART. 37, § 6º, DA CF/88. ATO COMISSIVO OU OMISSIVO. AGENTE PÚBLICO. NEXO CAUSAL. NÃO COMPROVAÇÃO.

1. O art. 37, § 6º, da Constituição Federal consagra a responsabilidade do Estado de indenizar os danos causados por atos, omissivos ou comissivos, praticados pelos seus agentes a terceiros, independentemente de dolo ou culpa.
2. Para que o ente público responda objetivamente, suficiente que se comprovem a conduta da Administração, o resultado danoso e o nexo causal entre ambos, porém com possibilidade de exclusão da responsabilidade na hipótese de caso fortuito/força maior ou culpa exclusiva da vítima. Precedentes do STJ.
3. No caso em tela não se verifica nexo causal entre a conduta e o dano. Conforme exposto na própria sentença, o perito médico ressaltou ser a autora possuidora de catarata congênita “sem relação direta e objetiva com as cirurgias”, considerando ainda “adequadas” as intervenções realizadas pelo estabelecimento hospitalar, “não ficando, a meu ver, caracterizados atos de omissão, imperícia ou inépcia por parte do cirurgião ou do hospital”. Assim, afastada a responsabilidade do Poder Público.

Acórdão

Vistos e relatados estes autos em que são partes as acima indicadas, a Quarta Turma, à unanimidade, decidiu negar provimento à apelação, nos termos do voto do Des. Fed. MARCELO SARAIVA (Relator), com quem votaram os Des. Fed. ANDRÉ NABARRETE e MARLI FERREIRA, nos termos do relatório e voto que ficam fazendo parte integrante do presente julgado.

Resumo Estruturado

VIDE EMENTA
Disponível em: https://trf-3.jusbrasil.com.br/jurisprudencia/1171252027/apelacao-civel-apciv-6752087719854036100-sp

Informações relacionadas

Tribunal Regional Federal da 1ª Região
Jurisprudênciahá 9 anos

Tribunal Regional Federal da 1ª Região TRF-1 - APELAÇÃO CIVEL: AC 5785 AM 1999.32.00.005785-4

Tribunal Regional Federal da 4ª Região
Jurisprudênciahá 3 anos

Tribunal Regional Federal da 4ª Região TRF-4 - RECURSO CÍVEL: 500XXXX-48.2018.4.04.7125 RS 500XXXX-48.2018.4.04.7125

Tribunal de Justiça do Estado da Bahia
Jurisprudênciahá 3 anos

Tribunal de Justiça do Estado da Bahia TJ-BA - Apelação: APL 050XXXX-96.2017.8.05.0113

Tribunal Superior do Trabalho
Jurisprudênciahá 20 anos

Tribunal Superior do Trabalho TST - EMBARGOS DECLARATORIOS RECURSO DE REVISTA: ED-RR 588616-89.1999.5.12.5555 588616-89.1999.5.12.5555

Tribunal de Justiça do Rio Grande do Sul
Jurisprudênciahá 6 anos

Tribunal de Justiça do Rio Grande do Sul TJ-RS - Ação Direta de Inconstitucionalidade: ADI 008XXXX-69.2016.8.21.7000 RS