jusbrasil.com.br
1 de Julho de 2022
  • 2º Grau
Entre no Jusbrasil para imprimir o conteúdo do Jusbrasil

Acesse: https://www.jusbrasil.com.br/cadastro

Tribunal Regional Federal da 3ª Região TRF-3 - APELAÇÃO / REMESSA NECESSÁRIA: ApelRemNec 001XXXX-75.2013.4.03.6104 SP

Detalhes da Jurisprudência

Órgão Julgador

3ª Turma

Publicação

Intimação via sistema DATA: 09/12/2020

Julgamento

4 de Dezembro de 2020

Relator

Desembargador Federal DENISE APARECIDA AVELAR
Entre no Jusbrasil para imprimir o conteúdo do Jusbrasil

Acesse: https://www.jusbrasil.com.br/cadastro

Ementa

TRIBUTÁRIO. IMPOSTO DE IMPORTAÇÃO. FATO GERADOR. REGISTRO DA DECLARAÇÃO DE IMPORTAÇÃO. BENEFÍCIO FISCAL. EX-TARIFÁRIO. RESOLUÇÃO COM VIGÊNCIA POSTERIOR AO REGISTRO DA DI. IMPOSSIBILIDADE DE RETROAÇÃO DA NORMA.

1. A jurisprudência, há muito, aponta que o fato gerador do Imposto de Importação se configura quando do aperfeiçoamento da operação de importação, que se dá exatamente no momento do registro da regular declaração no órgão aduaneiro.
2. A importação se deu em desabrigo a qualquer exceção tarifária, não se podendo conferir à Resolução CAMEX, editada e publicada em momento posterior ao registro da declaração de importação, efeito retroativo.
3. O art. 114 do Regulamento Aduaneiro, tendo como fundamento o Código Tributário Nacional (art. 111, inciso II), impõe uma interpretação literal para a legislação que concede isenção ou redução do Imposto de Importação.
4. Remessa oficial e apelação providas.

Acórdão

Vistos e relatados estes autos em que são partes as acima indicadas, a Terceira Turma, por unanimidade, DEU PROVIMENTO à remessa oficial e ao recurso de apelação da União para, reformando a sentença, DENEGAR A ORDEM no mandado de segurança, nos termos do relatório e voto que ficam fazendo parte integrante do presente julgado.

Resumo Estruturado

VIDE EMENTA
Disponível em: https://trf-3.jusbrasil.com.br/jurisprudencia/1141149327/apelacao-remessa-necessaria-apelremnec-102807520134036104-sp

Informações relacionadas

Tribunal Regional Federal da 4ª Região
Jurisprudênciahá 7 anos

Tribunal Regional Federal da 4ª Região TRF-4 - APELAÇÃO CIVEL: AC 5060821-82.2014.404.7100 RS 5060821-82.2014.404.7100

Camila Silva, Estudante de Direito
Artigoshá 6 anos

Impostos Federais, Estaduais e Municipais

Tribunal Regional Federal da 4ª Região
Jurisprudênciahá 5 anos

Tribunal Regional Federal da 4ª Região TRF-4 - APELAÇÃO CIVEL: AC 5015648-31.2016.404.7208 SC 5015648-31.2016.404.7208

Tribunal Regional Federal da 3ª Região
Jurisprudênciahá 3 anos

Tribunal Regional Federal da 3ª Região TRF-3 - APELAÇÃO CÍVEL: ApCiv 500XXXX-89.2018.4.03.6104 SP

Tribunal de Justiça de São Paulo
Jurisprudênciahá 2 anos

Tribunal de Justiça de São Paulo TJ-SP - Apelação Cível: AC 001XXXX-04.2012.8.26.0562 SP 001XXXX-04.2012.8.26.0562